Município da Covilhã
Tlf:. 275 330 600
Abr.16.2021

INAUGURADA CABINE DE LEITURA NA PRAÇA DO MUNICÍPIO

MUNICÍPIO DA COVILHÃ SENSIBILIZA CRIANÇAS PARA A IMPORTÂNCIA DAS ÁRVORES E DOS LIVROS
23-03-2021

MUNICÍPIO DA COVILHÃ SENSIBILIZA CRIANÇAS PARA A IMPORTÂNCIA DAS ÁRVORES E DOS LIVROS

A Câmara Municipal da Covilhã, através da Biblioteca Municipal e do Projeto EU SOU +, leva a cabo um conjunto de iniciativas comemorativas do Dia Mundial da Árvore (21 de março) e do Dia Internacional do Livro Infantil (2 de abril), direcionadas aos mais jovens. O Município procura sensibilizar as crianças covilhanenses para a importância das árvores e dos livros nas nossas vidas. No contexto do Dia Mundial da Árvore, realiza-se uma ação coletiva de plantação de árvores nos recintos escolares ou em espaços públicos das freguesias/união de freguesias em que se localizam os estabelecimentos escolares, por parte dos alunos e com o acompanhamento dos responsáveis pedagógicos. Para o efeito, entre os dias 19 (sexta-feira) e 22 (segunda-feira), a Autarquia entrega pequenos carvalhos (1 árvore por grupo/turma), diretamente nos estabelecimentos escolares do ensino pré-escolar e 1º ciclo do ensino básico participantes na iniciativa. Com esta atividade pretende-se envolver as crianças numa atividade prática que constitui um contributo para a melhoria da sustentabilidade do planeta e cujo desenvolvimento podem acompanhar e cuidar, ao longo do percurso escolar. Integrado ainda nesta efeméride, o Município lança o desafio aos alunos dos vários ciclos de ensino, bem como às respetivas famílias, na semana de 22 a 26 de março, a participar na dinâmica virtual de descoberta das árvores que nos rodeiam. Concretamente, em cada dia dessa semana serão divulgadas, a partir da página de Facebook da Biblioteca Municipal da Covilhã, imagens de exemplares de árvores, acompanhadas de uma breve descrição, para testar ou elevar os conhecimentos sobre as árvores que compõem a nossa floresta. Para assinalar o Dia Internacional do Livro Infantil, entre os dias 22 e 26 de março, o Município da Covilhã envolve as crianças que frequentam o ensino pré-escolar e o primeiro ciclo do ensino básico numa sessão especial da Hora do Conto “O País da Árvontade”, de Lourdes Custódio, dinamizada pela Biblioteca Municipal, em formato à distância, via plataforma zoom. Trata-se de um avental de histórias que conta a aventura de Pedro, que acorda num país diferente, Árvontade. Aqui, basta desejar algo para que uma árvore dê como fruto o desejo dessa pessoa, mas com uma condição: os frutos devem ser partilhados para que a árvore continue a existir. E quanto mais o fruto é partilhado pelos habitantes desse país, mais cresce a árvore e mais frutos dá. No final, será feito um pedido muito especial às crianças! As/os interessadas/os em participar nesta iniciativa deverão propor data e horário através do seguinte email: biblioteca@cm-covilha.pt.
2º FÓRUM DO ASSOCIATIVISMO FOI UM SUCESSO
17-03-2021

2º FÓRUM DO ASSOCIATIVISMO FOI UM SUCESSO

A Câmara Municipal da Covilhã organizou o 2º Fórum Associativismo, no passado sábado, dia 13 de março, a partir do Salão Nobre dos Paços do Concelho. Devido aos constrangimentos provocados pela atual situação pandémica, o evento realizou-se em formato online, com transmissão direta em streaming nas páginas de Facebook e Youtube do Município da Covilhã. O Fórum teve como principais objetivos promover a reflexão e o debate sobre a implementação do Regulamento de Apoio ao Associativismo e apresentar a Plataforma do Associativismo. As intervenções dos dirigentes associativos que participaram neste 2º Fórum pautaram-se pela apresentação de problemas, ideias e soluções para as coletividades, sendo praticamente unânimes os elogios a esta iniciativa, ao Regulamento de Apoio e à atuação do Município na área do associativismo. O Presidente da Câmara Municipal da Covilhã, Vítor Pereira, abriu os trabalhos, agradecendo a todos os homens e mulheres que representam o movimento associativo, “importante pilar da vida do Concelho da Covilhã, agregador de vontades e dinamizador de múltiplas atividades culturais, recreativas e desportivas”. Devido à situação pandémica, a atividade das coletividades foi drasticamente reduzida, o que levou o autarca a garantir que “as associações contarão integralmente com a verba que lhes foi concedida nas candidaturas para o ano de 2021, na linha de apoio à atividade regular”, apesar de não lhes ser possível cumprir os planos de atividade. Vítor Pereira afirmou ainda que a nova Plataforma do Associativismo será “uma ferramenta de extrema importância” no reforço do “triângulo de ligação e apoio” entre as Associações, o Município e os Munícipes. “É mais um passo que damos em conjunto. Porque foi sempre em profunda ligação que trilhámos o presente, na construção de um melhor futuro”, concluiu o autarca. Após intervenções online do Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo e do Presidente da Confederação Portuguesa das Coletividades de Cultura, Recreio e Desporto, Augusto Flor, que saudaram a realização desta iniciativa, coube a Francisco Mota, do Gabinete de Apoio ao Associativismo, apresentar a análise e o balanço da implementação do Regulamento de Apoio ao Associativismo. Nestes três anos (2019, 2020 e 2021) foram apresentadas 260 candidaturas à linha de apoio “Atividade Regular”, 137 candidaturas à linda de apoio “Investimento e aquisição de equipamentos” e 61 candidaturas à linha de apoio à “Atividade Pontual de caráter supraconcelhia”. Destaque para a elevada taxa de execução das candidaturas, acima dos 90% em 2019 (nas três linhas de apoio: Atividade Regular, Investimento e Aquisição de Equipamentos e Atividade Pontual Supraconcelhia) e até início de março, as candidaturas relativas a 2020 já superavam os 70% de execução. No âmbito da implementação do Regulamento de Apoio ao Associativismo, as verbas a atribuir às associações totalizaram um montante de 925.000 Euros. Seguiu-se a apresentação da Plataforma do Associativismo, portal eletrónico direcionado especificamente para o movimento associativo, que se traduzirá numa ferramenta muito relevante para a divulgação de atividades e partilha de informação, ligando Associações, Câmara Municipal e Munícipes. A Plataforma estará online e disponível para os Munícipes no dia 31 de maio (Dia Nacional das Coletividades). Para José Miguel Oliveira, Vereador com o pelouro do Associativismo, “a Plataforma será uma ferramenta que vai marcar um novo paradigma no nosso movimento associativo”. Concluindo os trabalhos deste 2º Fórum Associativo da Covilhã, o Vereador agradeceu a participação dos dirigentes e reafirmou a disponibilidade da Autarquia para trabalharem “todos em conjunto por um objetivo comum: o Associativismo da Covilhã”.  
MUNICÍPIO DA COVILHÃ PASSA A GERIR PAVILHÃO DESPORTIVO INATEL
10-03-2021

MUNICÍPIO DA COVILHÃ PASSA A GERIR PAVILHÃO DESPORTIVO INATEL

A Câmara Municipal da Covilhã aprovou, na reunião privada do passado dia 05 de março, a minuta do protocolo de colaboração que estabelece a cedência do Pavilhão da Fundação INATEL ao Município. A cedência será pelo período de 15 anos, renovável automaticamente por períodos idênticos, estando previsto o pagamento de uma comparticipação mensal à Fundação de 1.661 euros.  Para requalificar o Pavilhão, serão realizadas obras orçadas em cerca de 200 mil euros, comparticipadas em partes iguais pelas duas instituições. A intervenção inclui todo o edifício, com destaque para o piso, a cobertura, os sanitários, a enfermaria ou a zona envolvente. Para Vítor Pereira, Presidente da Autarquia, “cumpre-se assim uma antiga aspiração dos Covilhanenses, colmatando uma lacuna existente na cidade da Covilhã”. O autarca espera que “a filosofia que norteia a Fundação INATEL” e uma negociação justa a realizar na altura, permita a cedência definitiva do pavilhão ao Município, após o primeiro período de 15 anos agora protocolado. Vítor Pereira considera que estamos perante um “primeiro passo muito importante” nesse sentido. “Finalmente chegámos a bom porto. Conseguimos que o Pavilhão nos fosse cedido, com um bom acordo. A Câmara Municipal passa a dispor de uma infraestrutura, no núcleo urbano do Concelho, que pode colocar à disposição das associações, clubes, atletas, cidadãos para eventos de natureza desportiva, cultural ou recreativa”, concluiu o Presidente do Município.
Assembleia da República

Assembleia da República

Ver mais

Governo de Portugal

Governo de Portugal

Ver mais

Portal Autárquico

Portal Autárquico

Ver mais

Estágios PEPAL - 5ª Edição

Estágios PEPAL - 5ª Edição

Ver mais

Vídeo Promocional Covilhã

Avisos
Obras em curso
Obras em curso