Município da Covilhã
Tlf:. 275 330 600
Nov.29.2021
18-10-2021

CENTRO DE ATIV’IDADES COMEMORA 7º ANIVERSÁRIO


O Centro de Ativ’Idades (CAI) da Covilhã comemora o 7º aniversário, no próximo dia 25 de outubro, às 15h00. Os utentes estão todos convidados para uma celebração repleta de animação e surpresas! 
Inaugurado a 25 de outubro de 2014, o CAI tem ao dispor dos utentes do Cartão Social Municipal e dos idosos em geral, um conjunto de espaços direcionados ao público-alvo, com o objetivo de lhes oferecer uma panóplia de atividades, visando o bem-estar psico social. 
Antes da pandemia, o CAI agendava um horário preenchido com as seguintes classes/atelieres: malhas, rendas e bordados, multipontos, pintura criativa a acrílico e a óleo, artes decorativas, informática, gerontomotricidade, oficina de teatro, coro, aulas de expressão escrita e alfabetização,  espanhol, inglês, italiano; arranjos florais; dança brasileira (forró), danças latinas, Yoga e o tradicional “Chá com biscoitos”, atividade mais procurada e frequentada. Mensalmente, foram realizadas palestras, rastreios de saúde pública, Workshops, eventos temáticos, comemorações de datas importantes, passeios/visitas, entre outras. Também foi criado o grupo de cantares “Vozes do CAI”, o qual atuou várias vezes, nomeadamente, em Lares e Centros de Dia, eventos do CAI e do município, sendo que, a última atuação antes da pandemia foi para o programa de domingo da RTP 1.
Foi criado o Gabinete de Apoio Psicológico e Psicoterapia – GAPP, o qual ofereceu consultas de psicologia a quem o procurou, não excluindo qualquer faixa etária.
Foram efetuadas parcerias com a UBI – Universidade da Beira Interior, as Farmácias Holon e Pedroso, Farmácia de S. João, Mutualista Covilhanense, EPABI, MODATEX, ACAPO, CAFAP, LAPA, CARITAS e algumas lojas de comércio tradicional. Aproveitando a parceria com a AAUBI foi possível trazer ao CAI várias figuras públicas do mundo da música para breves atuações, tais como os DAMA, Rui Drumond, Saúl e Miguel Araújo. Ao longo destes anos, estreitaram-se laços com as diferentes IPSS’s e Centros de Dia do concelho.
A 16 de Março de 2020, a pandemia obrigou ao encerramento deste espaço da Câmara Municipal e, consequentemente, das atividades presenciais. Para assegurar a “presença” do CAI na vida da maioria dos utentes que o frequentavam, e por se tratar, para muitos, da sua “segunda casa”, reinventaram-se, na medida do possível, estratégias de combate à solidão e estimulação cognitiva e motora desses utentes. Assim, durante este período, foram regularmente mantidos contactos telefónicos e/ou via videochamadas com os utentes, a fim de minimizar os efeitos negativos que este flagelo trouxe à população idosa, nomeadamente solidão, abandono, tristeza, desânimo.  
Para além disso, foram diversas as atividades que o CAI colocou em prática para ocupar o tempo dos mais idosos, como por exemplo, trabalhos manuais, aulas de estimulação cognitiva on-line, incentivo à leitura com a distribuição de livros da Biblioteca Municipal à porta (ainda em curso), apoio na ida às compras de bens de primeira necessidade e medicamentos, entre outros.
Com esta pandemia nasceram os projetos “Palavras de Ternura”, em parceria com as Autoridades Locais (PSP e GNR), que consiste em  visitar regularmente os idosos em isolamento, levando-lhes afetos, alento e, sobretudo, o sentimento de não estar desamparado; e “Fragmentos de Vida” que tem por objetivo fazer o relato biográfico da vida dos idosos que queiram participar. Estes projetos continuam a ser trabalhados. 
O CAI, localizado no Sporting Shopping Center, no centro da cidade, reabriu as suas portas no passado dia 3 de maio. Embora ainda com poucas atividades presenciais, devido às normas de higiene e segurança impostas pelo Gabinete de Proteção Civil da Câmara Municipal e DGS, os utentes já contam com aulas de Estimulação Cognitiva, Yoga, a caminhada semanal “Giravolta pela Cidade” (quartas-feiras de manhã), Laboratório de Artes Cénicas pela Quarta Parede, Atelier de Rendas, malhas e bordados, Aulas de Informática, Aulas de Alfabetização e Língua Portuguesa para Estrangeiros e as “Vozes do CAI” também reiniciaram os ensaios. Para além disto, ainda podem contar com atividades pontuais atualizadas mensalmente. Todas estas atividades necessitam de inscrição prévia devido ao número de utentes permitidos em cada espaço.