Município da Covilhã
Tlf:. 275 330 600
Jan.27.2022
Notícias
COVILHÃ REFORÇA APOSTA NA PROMOÇÃO TURÍSTICA DO CENTRO HISTÓRICO
19-01-2022

COVILHÃ REFORÇA APOSTA NA PROMOÇÃO TURÍSTICA DO CENTRO HISTÓRICO

A Câmara Municipal da Covilhã aprovou com o Turismo de Portugal, uma candidatura para a valorização do Centro Histórico. O projeto visa reforçar o posicionamento da Cidade e do Concelho como um destino turístico atrativo, competitivo e sustentável, com base no seu património cultural, na inovação e no conhecimento. Para a vereadora com o pelouro da Cultura, «Os objetivos a concretizar prendem-se com a valorização do património material e imaterial ligado ao Centro Histórico, o aumento da procura e da duração das estadias, durante todo o ano, e o desenvolvimento de ofertas e serviços em rede, através da integração de recursos endógenos». Regina Gouveia, sublinha ainda que, «Trata-se de um projeto claramente inovador, ao pressupor a conceção, produção e disponibilização de conteúdos culturais com recurso a tecnologias digitais e multimédia, incluindo visitas virtuais 360® e rota de realidade aumentada, que estarão sempre disponíveis no Centro Histórico, sem necessidade de alocação de recursos humanos.». A vereadora da Cultura reforça ainda a ideia de que, «o desenvolvimento e implementação das ações e conteúdos previstos basear-se-á no amplo envolvimento de diferentes tipos de agentes locais. Todos serão fundamentais na dinamização, e valorização de património cultural do Centro Histórico da Covilhã, seja como protagonistas em suportes de informação/comunicação ou como mediadores e influenciadores na interação com futuros visitantes.». Regina Gouveia, afirma ainda que “Como Cidade do Design vai ser muito importante falar da história da indústria dos lanifícios, tal como dar a conhecer personalidades, e personagens, relacionadas com o Centro Histórico da Covilhã”.  A vereadora reforçou ainda a ideia de que “é necessário comunicar o Centro Histórico de forma estratégica, e constituir pontos de interesse”. Dada a recente integração da Covilhã na Rede de Cidades Criativas da UNESCO, na área do Design, o Município pretende associar ao Centro Histórico e à marca PORTAS DO SOL, uma Feira Internacional de Cultura, trazendo ao Território participantes de outras cidades criativas de Portugal e de outros países, articulando-se, para tal, com outras entidades a nível regional, e internacional. O projeto Portas do Sol vai ter cerca de um ano para ser desenvolvido e implementado, com um orçamento global de 200 mil euros. O Projeto foi aprovado no âmbito do Programa Valorizar – Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior.  
CÂMARA DA COVILHÃ ASSINALA 95º ANIVERSÁRIO DO ESCRITOR ANTÓNIO ALÇADA BAPTISTA
17-01-2022

CÂMARA DA COVILHÃ ASSINALA 95º ANIVERSÁRIO DO ESCRITOR ANTÓNIO ALÇADA BAPTISTA

A Câmara da Covilhã em colaboração com a editora Alma Azul promove, no próximo dia 27 de janeiro de 2022, uma sessão literária dedicada à vida e obra do escritor covilhanense António Alçada Baptista.  A sessão literária assinala o 95º aniversário do nascimento do escritor e irá focar o trabalho editorial de Alçada Baptista na Moraes Editores e o seu livro “A Cor dos Dias – Memórias e Peregrinação”. António Alçada Baptista, nasceu na Covilhã a 29 de janeiro de 1927. Licenciado em Direito pela Universidade de Lisboa (1950) manteve-se sempre ligado à escrita como diretor ou colaborador de várias revistas e jornais, tendo ainda participado em programas de televisão e de rádio. Foi presidente do Instituto Português do Livro. Oficial da Ordem de Santiago, recebeu a Ordem Militar de Cristo (1983) e a Grã-Cruz da Ordem do Infante (1995). Profundamente influenciado pelo Cristianismo de pensadores como Emmanuel Mounier e Teillard de Chardin, conseguiu obter com os dois volumes de "Peregrinação Interior" a unanimidade da crítica e do público. Enquanto ficcionista, publicou "Os Nós e os Laços" (1985), "Catarina ou o Sabor da Maçã" (1988), "Tia Suzana, Meu Amor" (1989), "O Riso de Deus" (1994) e "Pesca à Linha - Algumas Memórias" (1998). Como cronista e defensor da liberdade Alçada Baptista publicou em outubro de 2002 "Um Olhar à Nossa Volta", o testemunho de uma vivência coletiva registada na década de 70 e 80 marcada por inquietações político-sociais. A sessão terá início pelas 18h30, na Biblioteca Municipal da Covilhã, e será apresentada pela editora e mediadora de leitura há mais de trinta ano, Elsa Ligeiro.  
CONDICIONAMENTO DE TRÂNSITO RUA 30 DE JUNHO (EM 504)
10-01-2022

CONDICIONAMENTO DE TRÂNSITO RUA 30 DE JUNHO (EM 504)

O Município da Covilhã vai iniciar, a obra de requalificação da rua 30 de Junho (EM 504), no troço entre a Ponte de Cantar Galo e a Capela de São Domingos, em Vila do Carvalho, Covilhã. A empreitada vai ter início esta semana e vai decorrer durante um período de oito (8) meses, durante o qual será necessário condicionar ou cortar o trânsito automóvel naquela via, em ambos os sentidos. A intervenção contará com 3 fases: 1ª Fase – Duração previsível de 90 dias, decorrerá no troço compreendido entre o Guerreiro Celta, na Ponte de Cantar Galo, até ao cruzamento com a rua Augusto Lopes Teixeira, durante o qual a rua 30 de Junho estará interditada ao trânsito, exceto a moradores, processando-se o desvio do trânsito pela rua Augusto Lopes Teixeira.  2ª Fase - Duração previsível de 90 dias, decorrerá no troço compreendido entre o cruzamento com a rua Augusto Lopes Teixeira e o cruzamento com a rua das Figueiras. A rua 30 de Junho ficará interditada ao trânsito, exceto a moradores, processando-se o desvio do trânsito pela rua das Figueiras.  3ª Fase - Duração previsível de 60 dias, decorrerá no troço compreendido entre o cruzamento com a rua das Figueiras e a Capela de São Domingos. A rua 30 de Junho ficará com o trânsito condicionado, sendo este processado de forma alternada por uma única faixa de rodagem, em ambos os sentidos, sendo controlado com recurso a sinalização provisória. Durante todo o período de duração dos trabalhos estará instalada sinalização de trânsito provisória, incluindo a indicação dos desvios alternativos. Consulte aqui o Mapa de Empreitada  Fase 1 Fase 2 Fase 3