Município da Covilhã
Tlf:. 275 330 600
Set.23.2018
Notícias
ESPETÁCULO “FRAGMENTOS SONOROS” PROMETE SURPREENDER COVILHÃ
18-09-2018

ESPETÁCULO “FRAGMENTOS SONOROS” PROMETE SURPREENDER COVILHÃ

No dia 21 de setembro, sexta-feira, às 22h00, a Praça do Município da Covilhã acolhe a última apresentação do espetáculo de música comunitário “Fragmentos Sonoros”. Trata-se de um trabalho em rede, em que músicos de diferentes localidades pertencentes à CIMBSE Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela – Belmonte, Fundão, Covilhã, Guarda e Sabugal - se reúnem no mesmo palco. A direção artística do projeto, que envolveu cerca de 40 voluntários dos cinco municípios promotores, ficou a cargo de Tiago Pereira, da Associação Coruja do Mato.  O espetáculo compõe-se de texturas, ambientes e melodias que refletem sobre o presente, que nos transportam numa viagem de memórias e afetos. Imagens e sons interagem num espaço de partilha. Do caos à harmonia, de apontamentos sonoros a cadências rítmicas. Esta atividade integra o projeto “Cultura em Rede das Beiras e Serra da Estrela” da CIMBSE, em parceria com a Associação de Municípios da Cova da Beira e os municípios que integram esta Comunidade Intermunicipal. Trata-se de uma iniciativa que pretende constituir uma rede cultural entre os 15 Municípios da CIMBSE, vocacionada para a promoção cultural deste território. O projeto assenta em três áreas artísticas: dança, teatro e música. É precisamente a vertente de música que se concretiza com este espetáculo sonoro e visual que convida o público a ser cúmplice de um território comum.  
VERÃO NO CENTRO HISTÓRICO - TIO REX
17-09-2018

VERÃO NO CENTRO HISTÓRICO - TIO REX

No passado sábado, dia 15 de setembro, a Travessa de São Tiago, junto ao Paço 100 Pressa (patrocinador do espetáculo), foi o improvável palco onde o cantautor setubalense Tio Rex encantou centenas de covilhanenses com a sua voz grave e as suas melodias intimistas. O concerto marcou o final do "Verão no Centro Histórico", organizado pela Câmara Municipal da Covilhã e pelo projeto Sound&Vision, em parceria com um conjunto de entidades patrocinadoras. A Vereadora com o pelouro da Cultura, Regina Gouveia, fez um balanço muito positivo da iniciativa e agradeceu a colaboração de todos os envolvidos, não esquecendo a fantástica Joana Poejo, da ASTA - Teatro e Outras Artes, que protagonizou as Visitas Guiadas Encenadas, ou o Festival WOOL, que através dos seus responsáveis Lara e Pedro Seixo Rodrigues nos deram a conhecer mais sobre a arte urbana nos murais da cidade. Tio Rex, o alter-ego musical de Miguel Reis, surpreendeu ao descer do palco para o meio da assistência para encerrar em festa a sua atuação. O "Verão no Centro Histórico" fechou assim com chave de ouro: o artista em comunhão com o público. Foi também da comunhão dos covilhanenses com a zona nobre da cidade e com a Cultura que nasceu o sucesso deste "Verão". A grande adesão que as sete noites tiveram, com muito público a acompanhar as visitas guiadas e os concertos ao ar livre, comprovam o sucesso desta iniciativa inédita. Os covilhanenses acorreram em massa ao centro histórico da cidade num conjunto de noites quentes de verão que tiveram como objetivo aliar o melhor da nova música portuguesa ao melhor da arte urbana, do teatro e da história. Haverá mais uma Visita Guiada encenada pela ASTA, na próxima sexta-feira, 21 de setembro, pelas 21h00, com partida e chegada em frente à Câmara Municipal, na Praça do Município. Depois, chega a vez da música com o grandioso espetáculo musical "Fragmentos Sonoros", enquadrado na programação do Festival da Cherovia que de 20 a 23 de setembro vai continuar a animar as ruas do centro histórico da Covilhã. Não falte!