Município da Covilhã
Tlf:. 275 330 600
Fev.21.2019
Notícias
TRADIÇÕES DAS ALDEIAS DE MONTANHA DESCEM À CIDADE DA COVILHÃ
02-01-2019

TRADIÇÕES DAS ALDEIAS DE MONTANHA DESCEM À CIDADE DA COVILHÃ

Promover, valorizar e revelar a identidade em estado puro das aldeias de montanha do concelho é a forte aposta da Câmara Municipal da Covilhã com a iniciativa "A Montanha Desce à Cidade com os Reis". Nos próximos dias 5 e 6 de janeiro, a Praça do Município acolhe um vasto conjunto de actividades que visa celebrar o Dia de Reis e encerrar a programação do “Natal Com Arte”, sob o mote do «retorno ao mundo natural». Este evento enquadra-se na estratégia promocional das Aldeias de Montanha, levada a cabo pela autarquia, que proporcionou momentos especiais nas Penhas da Saúde ("Saud'Arte", 28 e 29 de julho), em São Jorge da Beira ("Caminhada e Observação do Céu Noturno", a 15 de agosto), nas Cortes do Meio ("Pastores", 5 a 7 de outubro), em Verdelhos ("Agasalhos no Frio", 9 a 11 de novembro) e na Erada ("Palad'Arte", 16 e 17 de novembro).  "A Montanha Desce à Cidade com os Reis" é um evento que traz agora estas atividades e tradições ao centro histórico da Covilhã para dar a conhecer o artesanato e os sabores da Serra, os jogos tradicionais como o jogo do arco, a corrida de cântaros, o jogo do burro e da malha, entre outros. A animação e a música não vão faltar com atuações do Grupo de Cantares de Trigais, do grupo de concertinas "Tradições da Beira", dos Bombos da Bouça, do Grupo de Cavaquinhos de São Jorge da Beira ou do acordeonista André Pais. As surpresas não vão faltar nesta verdadeira festa de montanha no coração da cidade da Covilhã. Para o Presidente do Município, Vítor Pereira, este será "um evento com sons, artesanato e sabores da Serra, jogos e actividades tradicionais das zonas de montanha, assim como uma exposição fotográfica intitulada «retorno ao mundo rural». Queremos encerrar com chave de ouro um conjunto de iniciativas importantes que tiveram lugar nas cinco aldeias de montanha que foram abrangidas por este projecto, fulcral para preservar atividades, tradições, usos e costumes, valorizando as potencialidades naturais e promovendo o turismo em cada uma destas aldeias”. O autarca aponta ainda a articulação desta iniciativa "com o tradicional cantar das janeiras, que vai trazer muita animação ao centro da cidade e dinamizar o nosso comércio tradicional".  "A Montanha Desce à Cidade com os Reis" realiza-se na Praça do Município e nas principais artérias do centro da cidade, das 10h00 às 19h00 dos dias 5 e 6 de janeiro  
MAIS DE 20 ARTISTAS EXPÕEM NO MUSEU DE ARTE SACRA
07-12-2018

MAIS DE 20 ARTISTAS EXPÕEM NO MUSEU DE ARTE SACRA

Nesta época natalícia, a Câmara Municipal da Covilhã promove as exposições "Anjos Caídos" e “Lux Natalis”, no Museu de Arte Sacra.  “Anjos Caídos” é uma exposição coletiva de pintura, escultura, fotografia, azulejo, barro, vime, instalações e outros, que reúne 20 artistas como, Alberto Alves; Alice Baptista; Carlos Pinto; Kuul; Fátima Pereira Nina; Fernando Nelas Pereira; Francisco Cruz; Helena Mendes; João Carvalho; João Oliveira; Jorge Marquez; Jorge Teixeira; Laura Cruz; Luís Agostinho; Mia Costa; Maria Guia Pimpão; Maria do Carmo Cunha; Paulo Reis; Rosa Maria Estrela e Rui Frade. No dia 8 de dezembro, será ainda inaugurada, no adro principal deste espaço museológico, a instalação artística “Lux Natalis” que incorpora fios de lã e três grandes velas idealizadas e concebidas, com materiais reciclados, pelo Cento Social e Cultural de Santo Aleixo (Unhais da Serra), Centro de Nossa Senhora das Dores (Paul) e pela Santa Casa da Misericórdia da Covilhã. Um conjunto artístico cuja originalidade reside na reutilização de materiais recicláveis em decorações de Natal como forma de sensibilizar a população para a preservação do planeta. A Cerimónia de inauguração destas duas exposições ocorreu no dia 8 de dezembro, na galeria de exposições temporárias do Museu de Arte Sacra e contou com um momento musical a cargo do Coro do projeto “Plante 1 Músico”, constituído por crianças da Escolinha do Zéthoven e da Escola Básica do Tortosendo. As exposições estarão patentes até ao dia 10 de janeiro de 2019 e poderão ser visitadas de terça a domingo, entre as 10h00 e as 18h00, com entrada gratuita.