Município da Covilhã
Tlf:. 275 330 600
Out.22.2019
Notícias
COVILHÃ HOMENAGEIA 8 PERSONALIDADES E 3 INSTITUIÇÕES NO 20 DE OUTUBRO
14-10-2019

COVILHÃ HOMENAGEIA 8 PERSONALIDADES E 3 INSTITUIÇÕES NO 20 DE OUTUBRO

As Comemorações dos 149 anos da elevação da Covilhã a cidade contemplam este ano a homenagens a 8 personalidades e 3 instituições que, de forma marcante, têm desenvolvido ações de mérito no concelho. A título individual, serão homenageados com a Medalha de Mérito: António Pinto Pires, historiador; Pedro Gaudêncio, empresário; José Mendes, Presidente do Sporting Clube da Covilhã; José Carlos Campos, operário, conhecido como “Sr. Viseu”; Manuel Ribeiro, dirigente desportivo e comerciante; Vítor Sainhas, psiquiatra. A título póstumo, serão também agraciados António Ascensão Coelho, antigo autarca no Teixoso e José Reis Barata, antigo deputado na Assembleia Municipal e docente. Para Vítor Pereira, Presidente do Município da Covilhã, “estamos perante uma justíssima homenagem da cidade a personalidades ímpares que se destacaram na comunidade e a quem assim agradecemos pelo profundo trabalho desenvolvido em prol do bem comum». Nas instituições, a Medalha de Mérito será atribuída à Fundação Imaculada Conceição - Doroteias da Covilhã e à Liga dos Amigos do Centro Hospitalar Cova da Beira (LACHUCB). Para o Presidente da autarquia «esta homenagem representa o agradecimento do concelho ao trabalho desempenhado por estas instituições, no Voluntariado e na educação de várias gerações de covilhanenses». Entre as instituições homenageadas está também a Associação de Desenvolvimento Local Beira Serra, pelo “vasto e importante trabalho social desenvolvido”.  A Sessão Solene de Homenagem a Personalidades e Instituições terá lugar a 20 de outubro, às 15:30, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.  
PROJETO INTERMUNICIPAL UNE COVILHÃ E FUNDÃO POR CICLOVIA
14-10-2019

PROJETO INTERMUNICIPAL UNE COVILHÃ E FUNDÃO POR CICLOVIA

A Covilhã e o Fundão vão estar ligados através de uma ciclovia. Este projeto intermunicipal vai contar com um investimento total de 980.693,58 euros (troço do Fundão 600.193,58, troço da Covilhã 380.500,00), co-financiado pelo Fundo Ambiental no valor de 490.346,79 euros€, permitindo desta forma reforçar a estratégia de desenvolvimento da mobilidade sustentável na região. Os dois municípios apresentam-se como verdadeiros agentes da política de transportes locais, com capacidade de promover a adoção de modos suaves através da criação de infraestruturas de transportes que potenciam a sua utilização pelos munícipes.  A futura ciclovia vai ter uma extensão total aproximada de 13 km, será desenvolvida ao longo da estrutura viária existente, a Estrada Nacional 18, que liga as cidades do Fundão e da Covilhã e através da qual é efetuado o acesso a dois importantes polos industriais, assumindo esta via um perfil marcadamente urbano. O troço da Ciclovia no concelho do Fundão inicia-se na proximidade da zona comercial, na entrada da cidade, interligando com os percursos cicláveis já existentes ou em fase de planeamento, e terminará no Souto Alto, onde interligará com o troço da Covilhã. Será implantada uma ciclovia em cada sentido do tráfego, com uma largura constante de 1,20 metros e partilhada com os peões, e substituirá os atuais passeios existentes ou implantada junto à berma da via.  O troço da Ciclovia no concelho da Covilhã inicia-se no cruzamento do Hospital, interligando com os percursos cicláveis da cidade, presentemente em execução, e terminará no Souto Alto onde interligará com o troço do Fundão. Será implantada na berma direita da Variante da EN18 à Covilhã, na berma do lado direito no sentido Covilhã/Fundão, com uma largura de 2,20m, separada da faixa de rodagem onde circulam os veículos. Vitor Pereira, Presidente da Câmara Municipal da Covilhã, congratula-se com esta “conjugação de esforços que estreitam ainda mais os laços entre as duas cidades e os dois concelhos, que já têm muitas afinidades e se complementam”. Para o autarca, “esta relação saudável contrasta com a situação que existia em tempos idos, com um certo virar de costas entre os dois concelhos. São estes os projectos decisivos para a união e cooperação crescente entre a Covilhã e os municípios vizinhos, que se situam numa das zonas mais importantes do interior de Portugal: a Cova da Beira”.
COVILHÃ PROMOVE A MAIOR EXPOSIÇÃO COLETIVA DE ARTE DA REGIÃO – GOLDRARTES 2019
11-10-2019

COVILHÃ PROMOVE A MAIOR EXPOSIÇÃO COLETIVA DE ARTE DA REGIÃO – GOLDRARTES 2019

A Câmara da Covilhã em parceria com o Atelier de Cerâmica Formas e Cores de Terra promove a segunda edição da GoldrArtes 2019, na Galeria de Exposições Tinturaria. Trata-se da maior exposição coletiva de arte da região, que neste certame reúne cerca de 64 nomes nas mais diversas áreas artísticas – pintura, gravura, escultura, fotografia e instalação. A cerimónia de inauguração que terá lugar no dia 8 de outubro (terça-feira), pelas 18h00, contará com a presença dos artistas covilhanenses: Aida Gonçalves; Alberto Alves; Alice Baptista; Ana Maria Francisco; Ana Maria Santos Luiz; Ana Lebre Brito; Ana Pinge; Ânia Pais; António Barrocas; António Casteleira; António Rebelo; António Rodrigues; Beatriz Machado; Benvinda Camas; Carlos Mangana; Diana Alves; Diogo Fernandes; Élia Gamboa; Fábio Brito; Formas e Cores de Terra; Francisco Amaro; Francisco Cruz; Glória Ramos; Helena Mendes; Inês Cordeiro; Isabel Ferreira; Isabel Morão; João A. Santos Luiz; João Carlos da Cruz; João F. Santos; João M. Salcedas; João P. Marques; João Rui Frade; Jorge Santos Luiz; José Batista (Oriente); José Manuel Pereira; Laura Cruz; Lucília Marques; Luís Geraldes; Maria Alice Peixeiro; Maria Amália Oliveira; Maria Silva Carreira; Maria Cecília Duarte; Maria da Luz; Maria Fátima Barros (Fabá); Maria Guia Pimpão; Maria João Caetano; Maria Luiza Craveiro; Maria Teresa Silva; Mário Costa; Marli Pinho; Marta Vilarinho; MEG; Mia Costa; Moreira Neves; Natércia Campo (Teca); Rosalina Cruz; Rui Casegas Costa; Sandra Gonçalves; Sebastião Pimenta; Sousa Amaral; Telmo Guerra; Teresa Gaspar e UBI. A exposição estará patente ao público até ao dia 31 de Dezembro, com visitas de terça a domingo, das 10h00 às 18h00 na Tinturaria – Galeria de Exposições.  
CENTRO DE INCUBAÇÃO E EMPREENDEDORISMO ABRE PORTAS EM 2020
11-10-2019

CENTRO DE INCUBAÇÃO E EMPREENDEDORISMO ABRE PORTAS EM 2020

As obras do novo Centro de Incubação e Apoio ao Empreendedorismo da Covilhã decorrem a bom ritmo, estando prevista a sua conclusão no verão de 2020. Esta intervenção permite a transformação do edifício da antiga PSP, na Rua António Augusto de Aguiar, mantendo o traço arquitetónico original mas criando vários espaços para a promoção e sustentabilidade de micro e pequenas empresas. Este edifício permitirá igualmente acolher jovens empreendedores para que desenvolvam os seus projetos criativos. A empreitada de reabilitação e restauro do edifício foi adjudicada à empresa NOW XXI – Engenharia e Construções, Lda., pelo valor de 776. 715, 21€ + IVA, com um prazo de execução de 300 dias. Trata-se de uma obra prevista no PEDU da Covilhã (Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano) que irá contar com 6 gabinetes para empresas, 16 lugares de coworking, 2 espaços para oficinas (Makers), auditórios e sala de reuniões. Para o Presidente da Câmara Municipal, Vítor Pereira, este projeto “é uma oportunidade única, tendo em conta a localização estratégica deste Centro junto à UBI – Universidade da Beira Interior”. O autarca afirma que, com este projeto, “a Covilhã passa a ter uma infraestrutura moderna e multifuncional, ao mesmo tempo que reabilitamos e valorizamos o património histórico no centro da cidade”. Vítor Pereira está seguro de que “são estas as concretizações que nos permitem ter esperança e confiança no futuro que estamos a tecer”.  
CANDIDATURAS DE APOIO AO ASSOCIATIVISMO ARRANCAM DIA 1 DE OUTUBRO 
01-10-2019

CANDIDATURAS DE APOIO AO ASSOCIATIVISMO ARRANCAM DIA 1 DE OUTUBRO 

A partir do dia 1 de outubro, estão abertas as linhas de apoio às Associações do Concelho da Covilhã. O período de apresentação de candidaturas ficou estabelecido após deliberação da reunião de Câmara do passado dia 20 de setembro, dando cumprimento ao “Regulamento de Apoio ao Associativismo”, publicado em Diário da República no dia 31 de agosto de 2018. As candidaturas à Atividade Regular (cultural/recreativa, desportiva, artística/performativa e ambiental e educação para a cidadania) e Investimento e Aquisição de Equipamentos, decorrem de 01 de outubro de 2019 a 29 de novembro de 2019. O período de candidaturas à Atividade Pontual de caráter supraconcelhio estará aberto a partir do dia 01 de outubro de 2019, decorrendo em qualquer altura do ano, com uma antecedência mínima de 90 dias em relação ao dia da realização da atividade.  As verbas a atribuir totalizam um apoio global de 300 mil Euros, dividido em 200.000,00 Euros para a Atividade regular, 75.000,00 Euros para o apoio ao Investimento e Aquisição de equipamento e 25.000,00 Euros para a Atividade pontual de caráter supraconcelhio. No primeiro ano de aplicação do Regulamento de Apoio ao Associativismo, foram apresentadas 89 candidaturas no âmbito da Atividade Regular, 65 candidaturas ao Investimento e Aquisição de Equipamentos e 19 candidaturas à Atividade Pontual de caráter supraconcelhio, traduzindo desta forma a grande dinâmica do movimento associativo do Concelho da Covilhã. Os formulários de candidatura e toda a informação complementar estão disponíveis no site do Município da Covilhã (www.cm-covilha.pt), na área “Município” / “Câmara” / “Gabinete de Apoio ao Associativismo”.