Município da Covilhã
Tlf:. 275 330 600
Fev.26.2020
Notícias
COMPETÊNCIAS NA EDUCAÇÃO OPERACIONALIZADAS “COM SUCESSO” NA COVILHà   
06-02-2020

COMPETÊNCIAS NA EDUCAÇÃO OPERACIONALIZADAS “COM SUCESSO” NA COVILHà   

                                                    A Comissão de Acompanhamento e Monitorização da implementação e desenvolvimento do quadro de competências na área da Educação do Município da Covilhã reuniu ontem, dia 5 de fevereiro, na Sala de reuniões do edifício dos Paços do Concelho. Criada na sequência da aceitação de competências na área da Educação pelo Município da Covilhã, esta Comissão é constituída pelo Presidente da Autarquia, pela Diretora Regional de Educação do Centro, em representação do Governo, e pelos Diretores dos Agrupamentos de Escolas e Escolas não agrupadas do concelho da Covilhã. A reunião serviu para aprovar o regulamento interno e avaliar a operacionalização das novas competências da autarquia. Foram ainda definidos os montantes e prazos das transferências financeiras para os Agrupamentos/Escolas, de acordo com as informações dos respetivos Diretores e da Tutela. As verbas serão transferidas na próxima sexta-feira, 07 de fevereiro, após aprovação em reunião do executivo camarário agendada para a manhã do mesmo dia. Regina Gouveia, Vereadora com o pelouro da Educação, congratulou-se com o facto de a Comissão ter reconhecido por unanimidade “a forma exemplar, eficaz e célere na concretização deste difícil processo, com novos desafios para todos”. A autarca destacou a integração do pessoal não docente nos quadros da Câmara Municipal: “Em tempo recorde, integrámos 241 novos colaboradores e uniformizámos o processamento salarial de todo o universo municipal”. “Para que este processo continue a decorrer como ambicionamos, é essencial que se mantenha e reforce uma relação de confiança entre todos os intervenientes, fundamental na prossecução dos objetivos municipais em matéria de educação, com qualidade e eficiência acrescidas”, concluiu Regina Gouveia.
AUTORIDADE NACIONAL DE PROTEÇÃO CIVIL AVALIA DISPOSITIVO
30-01-2020

AUTORIDADE NACIONAL DE PROTEÇÃO CIVIL AVALIA DISPOSITIVO

O Concelho da Covilhã e a Serra da Estrela acolheram ontem, dia 28 de janeiro, os Presidentes da ANEPC, Tenente-General Mourato Nunes e o Comandante Operacional Nacional da Proteção Civil, Brigadeiro General Duarte Costa. Foram recebidos em Unhais da Serra pelo Presidente da Câmara Municipal da Covilhã, Vítor Pereira, acompanhado pelo Vereador com o pelouro da Segurança e Proteção Civil, José Armando Serra dos Reis e ainda pelo Vereador Jorge Afonso Gomes. Visitaram as instalações da Força Especial de Bombeiros (Canarinhos) ali instalada e ouviram em detalhe qual o trabalho desenvolvido e as necessidades operativas. Mais tarde, na Torre – Serra da Estrela, a comitiva foi recebida pelas forças do Dispositivo de Intervenção Conjunto da Serra da Estrela. Seguiu-se a apresentação do PONSE (Plano Operacional Nacional para a Serra da Estrela) que decorreu no auditório do Centro Interpretativo, na presença dos GIPS – GNR de Montanha. O Presidente Vítor Pereira frisou a "importância da Serra da Estrela no panorama turístico nacional. Temos de fazer tudo o que esteja ao nosso alcance para garantir a segurança deste território por forma a que as muitas pessoas que o visitam se sintam também em segurança". O Presidente do Município da Covilhã alertou ainda para a necessidade de melhores instalações para a GNR de Montanha e para a importância de criar uma segunda Equipa de Intervenção Permanente (EIP) para os Bombeiros Voluntários da Covilhã. O autarca solicitou que os limpa neves dos Bombeiros da Covilhã que operam na Serra da Estrela passem a integrar o dispositivo do PONSE e garantiu a total disponibilidade dos equipamentos e das equipas municipais no apoio à Proteção Civil.
 NOVO MUSEU DA CIDADE ABRE EM 2020
27-01-2020

 NOVO MUSEU DA CIDADE ABRE EM 2020

As obras de requalificação do Museu da Cidade da Covilhã, orçadas em cerca de 240 mil euros, decorrem a bom ritmo e prevê-se durante este ano de 2020 a sua inauguração. Este importante espaço cultural localiza-se na Rua António Augusto Aguiar, no edifício projetado pelo Arquiteto Ernesto Korrodi e que acolheu a sede do Banco de Nacional Ultramarino. O edifico destaca-se ainda pelo trabalho cantaria e pela decoração em azulejos com elementos referentes ao comercio e à época dos Descobrimentos. O renovado Museu terá como objetivo dar a conhecer a cidade da Covilhã e a sua história, destacando todas as épocas de ocupação do território, refletindo a atualidade e perspetivando o futuro. Os conteúdos temáticos estarão organizados cronologicamente, de cima para baixo, do piso 3, dedicado à pré-história e à romanização, ao piso térreo, com uma visão global da história da cidade e uma reflexão sobre o seu futuro. A exposição recorre a métodos interativos e o percurso dos visitantes far-se-á por circulação vertical (escadas ou elevador).  O Museu da Cidade cumpre todos os preceitos base do design inclusivo e universal, promovendo a acessibilidade nos espaços culturais, num espaço adaptado, bem sinalizado, com piso e mapas tácteis e livre de obstáculos arquitetónicos. Os conteúdos temáticos serão claros e pensados para a compreensão do maior número de pessoas possível. Vítor Pereira, Presidente da Câmara Municipal da Covilhã, destaca a intervenção no Museu da Cidade como “um dos importantes pilares que irão transformar positivamente o Centro Histórico da nossa Cidade, juntamente com o novo Teatro Municipal, o Centro de Inovação Social e o Centro de Inovação Empresarial, entre outras intervenções que estão a decorrer”. Para o autarca, “este é o caminho certo para sermos atrativos e modernos, não esquecendo a melhoria da qualidade de vida dos covilhanenses. Este executivo aposta em criar uma nova dinâmica social, económica e cultural no centro histórico, após tantos anos de incúria e abandono.
“SOS ESTRADAS” ENTRA EM FUNCIONAMENTO NA COVILHÃ    
10-01-2020

“SOS ESTRADAS” ENTRA EM FUNCIONAMENTO NA COVILHÃ    

“SOS ESTRADAS” ENTRA EM FUNCIONAMENTO NA COVILHÃ                                                                                                 No passado dia 10 de janeiro, foi utilizada pela primeira vez, numa sessão de formação dirigida aos funcionários da Autarquia, o novo equipamento “SOS Estradas”, adquirido recentemente pelo município. Vítor Pereira, Presidente da Câmara Municipal, acompanhado pelo Vereador Jorge Afonso Gomes, acompanhou todo o processo que teve lugar na Escola Secundária Quinta das Palmeiras. A aquisição desta máquina enquadra-se na estratégia, levada a cabo por este executivo, de capacitação e reforço dos equipamentos municipais. A “SOS Estradas” destina-se a situações de emergência que justifiquem a reparação de defeitos na superfície de pavimentos rodoviários, numa fase ainda inicial da sua formação, por enchimento de cavidades e fissuras com inertes após uma prévia aplicação da emulsão betuminosa. Logo após a reparação, a zona intervencionada pode ser aberta ao trânsito rodoviário. Assim, a “SOS Estradas” é um equipamento reparador de pavimentos betuminosos, da marca Strassmayr, modelo STP 1008 Patcher, para a aplicação de regas de colagem e a selagem de fissuras em pavimentos betuminosos. Este e outros equipamentos operacionais, adquiridos pela autarquia, serão utilizados na concretização do plano de asfaltamento, manutenção e reparação de vias rodoviárias por todo o concelho da Covilhã. O objetivo é introduzir mais e melhor segurança na circulação das estradas e caminhos municipais.
CÂMARA DA COVILHÃ DISTINGUIDA PELA AGÊNCIA ERASMUS+
17-12-2019

CÂMARA DA COVILHÃ DISTINGUIDA PELA AGÊNCIA ERASMUS+

O Projeto “Covilhã. Forma II”, levado a cabo pela Câmara Municipal em parceria com os Agrupamentos de Escolas do concelho, foi distinguido pela Agência Nacional Erasmus + EF com o prémio “Boas Práticas”, atribuído a organizações cujos projetos apresentaram elevada qualidade e representaram uma boa prática no Erasmus + em Portugal. De acordo com os critérios definidos pela Comissão Europeia, as Agências Nacionais procedem à seleção dos projetos na área da Juventude, Educação e Formação que, pela sua qualidade excelência, merecem o reconhecimento dos seus pares e do publico em geral. O impacto dos projetos, a sua inovação, sustentabilidade, gestão financeira e comunicação são alguns dos critérios qualitativos da avaliação. Este projeto agora premiado, liderado pela Câmara Municipal de Covilhã, veio dar continuidade ao projeto de 2014, “Covilhã. Forma”. Os objetivos definidos começaram a dar frutos no que diz respeito à empregabilidade de jovens profissionais competentes e consequentemente a sua fixação no concelho. Teve também um papel importante no combate ao abandono e ao absentismo escolar, proporcionando oportunidades e experiências de caráter internacional aos mais jovens, potenciando a qualidade organizacional das escolas e aumentando a sua visibilidade. Foi um elemento de promoção do Ensino Profissional e do seu posicionamento como uma alternativa de qualidade ao ensino regular, tendo ainda promovido a inclusão social de jovens pertencentes a grupos socioeconómicos desfavorecidos. Os resultados positivos alcançados pelo projeto, levaram a Câmara Municipal a decidir a continuidade do consórcio e da aposta na internacionalização das organizações a ele pertencentes. A Câmara Municipal da Covilhã, com este projeto, pretende efetuar um investimento nos seus futuros cidadãos, envolvendo as principais escolas do concelho. São contempladas as necessidades comuns, que potenciam o crescimento e o desenvolvimento socioeconómico da região. O projeto prevê uma maior empregabilidade dos participantes, com competências profissionais reforçadas, para que venham a integrar os quadros técnicos das empresas do concelho e contribuir para a fixação da população na Covilhã.